Galáxia acerta alvo cósmico
6 de Dezembro de 2012

O universo é vasto e maioritariamente composto por espaço vazio, mas continuam a acontecer muito frequentemente colisões cósmicas. Olhe para a galáxia nesta foto: parece um alvo gigante, onde há cerca de 300 milhões de anos atrás, uma galáxia de menores dimensões chocou através do seu centro galáctico acertando em cheio no centro cósmico. Esta galáxia começou a sua vida como uma galáxia em espiral. Tinha vários longos enrolamentos de 'braços' de estrelas e poeiras acondicionadas em torno de seu centro, como a galáxia nesta foto.

Mas o impacto da galáxia mais pequena perturbou estas pistas organizadas de estrelas e o centro galáctico puro e deformou a galáxia transformando-a neste anel desleixado. Pode observar que o centro brilhante e gasoso da galáxia tem sido empurrado para o lado e os braços espirais foram distorcidos numa confusão caótica. O que resta de um dos braços espirais pode ser visto estendendo-se para cima, para fora do topo da galáxia. A colisão também desencadeou um efeito cascata, como quando atira uma pedra para um lago. Os gases perturbados por toda a galáxia desencadearam uma reação em cadeia de formação de estrelas. Centenas de enormes novas estrelas nasceram. Pode ver estas regiões azuis brilhantes na segunda imagem a direita.

Facto curioso

A Via Láctea também está destinada a ter uma grande reformulação, daqui a 4 milhares de milhões de anos, quando colidir com nosso vizinho galáctico mais próximo, a galáxia de Andrómeda. O Sol provavelmente será lançado numa parte diferente da galáxia. Pode imaginar o que será ver um céu noturno totalmente diferente?

This Space Scoop is based on Press Releases from ESA, Chandra X-ray Observatory.
ESA Chandra X-ray Observatory

Paula Furtado / NUCLIO

Imagem
Versão para imprimir
Mais space scoops

Ainda com curiosidade? Aprende mais...

O que é o Space Scoop?

Descobre mais Astronomia

Inspirando uma nova geração de Exploradores Espaciais

Amigos do Space Scoop

Contacta-nos

This website was produced by funding from the European Community's Horizon 2020 Programme under grant agreement n° 638653