Alguém quer tomar uma bebida?
11 de Dezembro de 2013

A vida pode ser encontrada quase em qualquer lado na Terra, desde os pólos até ao equador, do fundo do mar ao cimo das montanhas, e desde vales secos até à margem dos vulcões. Desde há cerca de 3.7 mil milhões de anos, a vida na Terra adaptou-se a quase todos os ambientes possíveis. O que será que torna a Terra tão adequada à existência de vida? Bem, muitas coisas, mas a principal é a água.

Na Terra ainda não se descobriu um único organismo que não necessitasse de água para sobreviver. Tomando como exemplo o corpo humano, que contém cerca de 60 por cento de água, não seria possível sobreviver para lá de alguns dias sem ela. Felizmente, a Terra encontra-se à distância certa do Sol para permitir a existência de água líquida. Se a Terra estivesse muito próxima do Sol os oceanos secariam, e se orbitássemos muito longe do Sol os oceanos congelariam.

Então e se existir água noutros mundos? Utilizando o olho poderoso do telescópio espacial Hubble, os cientistas acabaram de encontrar água na atmosfera de cinco planetas distantes! (A atmosfera é um “cobertor” de gases que envolve um planeta, tal como o ar que respiramos e nos rodeia na Terra).

Será que isto significa que estes planetas são como a nossa casa? Infelizmente, não. Todos os cinco planetas são conhecidos como “Júpiteres quentes”. São centenas de vezes mais maciços do que a Terra, muito próximos da sua estrela, e cobertos de gás rodopiante e abrasadoramente quente. Estas imagens abrem a porta a posteriores investigações sobre a quantidade de água que se encontra presente na atmosfera dos exoplanetas mais distantes do nosso Sistema Solar, em particular nos semelhantes à Terra.

Facto curioso

A atmosfera terrestre não contém só oxigénio. É principalmente constituída por um gás chamado azoto, e contém também alguma água. Se a temperatura na sua zona for a certa, poderá ver a água a acumular-se no ar, criando nevoeiro, ou até caindo do céu na forma de neve.

This Space Scoop is based on a Press Release from Hubble Space Telescope.
Hubble Space Telescope

tradução: Paula Furtado (NUCLIO - Núcleo Interactivo de Astronomia)

Imagem
Versão para imprimir
Mais space scoops

Ainda com curiosidade? Aprende mais...

O que é o Space Scoop?

Descobre mais Astronomia

Inspirando uma nova geração de Exploradores Espaciais

Amigos do Space Scoop

Contacta-nos

This website was produced by funding from the European Community's Horizon 2020 Programme under grant agreement n° 638653